Como escolher o calçado para criança ?

(6)

Procura conselhos para calçar adequadamente uma criança e ter a certeza de escolher o melhor calçado? Descubra aqui todas as respostas às suas perguntas mais frequentes no momento da compra.

1/ A criança saberá calçar e apertar sozinha o calçado ?

Aos 5 ou 6 anos, as crianças devem saber apertar os atacadores sozinhas. No entanto, para facilitar a colocação e o aperto, aconselhamos a escolha de um calçado com banda autoaderente ou com atacadores elásticos combinados com banda autoaderente, como por exemplo no calçado de criança Newfeel. Estes sistemas permitem poupar tempo e dar total autonomia à criança. 

A criança saberá calçar e apertar sozinha o calçado de marcha ativa ?

 

2/ O calçado garante um bom apoio do pé ?

Conforme explicamos no nosso artigo as vantagens do calçado de criança: Informação ou especulação?, é o calcanhar da criança que deve ser apoiado e não o tornozelo. Se a criança não tiver um bom apoio nesta parte do pé, poderá inclinar-se para a direita ou para a esquerda, o que a longo prazo modificará a sua postura e a forma natural de andar.

Para verificar se o calcanhar tem um bom apoio, recomendamos que verifique se o calçado tem um bom contraforte atrás. Esta parte deverá ser rígida para evitar a oscilação do pé da criança.

Ao nível do peito do pé, verifique se o aperto é adequado. Quanto à parte dianteira do pé, a criança deve poder movimentar livremente os dedos dos pés: deverá haver um espaço de 6 mm entre a ponta do pé e a biqueira do calçado. Este conforto garante aos pés espaço suficiente para crescer e melhorar a estabilidade. 

3/ A criança pode praticar desporto com este calçado ?

A criança pode praticar desporto com este calçado de marcha ativa ?

Para satisfazer as múltiplas atividades da criança, o calçado deve cumprir 4 critérios:

  • a  aderência : segurança da sola: a borracha! É uma matéria naturalmente antiderrapante. Além disso, o nosso calçado para criança "não deixa marcas", o que é ideal para as escolas que exigem solas que não deixem marcas nos pisos. Não hesite em esfregar o calçado no chão, como se estivesse a apagar um risco; se não deixar vestígios, a sola é efetivamente de borracha.

  • a maleabilidade: para realizar gestos precisos, tais como manter o equilíbrio na extremidade de um passeio ou fazer um percurso em ziguezague "sem ultrapassar", é necessário que a criança consiga gerir o seu próprio equilíbrio. O calçado não deve ser uma restrição à flexibilidade natural da frente do pé, por isso escolha um calçado flexível! Pode constatá-lo dobrando o calçado antes da compra.

  • a estabilidade: a criança realiza muitos movimentos laterais e em linha durante todas as atividades. O calçado deve manter a estabilidade em todas as circunstâncias. Recomendamos, por conseguinte, que opte por uma sola estável e não demasiado elevada. A propósito, já experimentou realizar carçadas com saltos altos? 

  • o amortecimento: consoante a idade da criança, a sua necessidade de amortecimento será diferente. Explicamos tudo isto em pormenor no nosso último artigo: as crianças precisam de amortecimento ?

4/ O calçado é resistente? Irá durar mais tempo ?

As duas matérias mais frequentes são o couro e o material sintético:

  • o couro é um material higiénico e respirável. É reconhecido pela sua qualidade e resiste a uma utilização diária. Garante um conforto máximo, pois é o calçado que se adapta ao pé da criança e não o inverso. 

  • o material sintético lava-se facilmente. Para a sua manutenção, basta passar uma esponja húmida e as nódoas desaparecem! Do ponto de vista estético, o calçado mantém uma boa estabilidade.

Algumas matérias são mais resistentes que outras. Além disso, dado que as crianças utilizam bastante a parte da frente do calçado, é conveniente existir um reforço nessa zona. As solas exteriores subidas à frente e atrás são ideais e serão a melhor garantia de robustez! 

 

5/ O calçado irá absorver água ?

 

Existem poucos modelos realmente impermeáveis. A maioria do calçado para criança é resistente à água, ou seja, a água desliza ao longo do calçado sem penetrar no tecido. Em contrapartida, se deixar o calçado molhado durante muito tempo, a água acabará por entrar pelas costuras. Para mais informações, recomendamos a consulta do nosso artigo: calçado impermeável vs. resistente à água.

Para aumentar a impermeabilidade, não se esqueça de usar um spray impermeabilizante que seja compatível com a maioria dos materiais (couro, tecido, material sintético). Recomendamos que adote este hábito assim que adquirir um novo calçado! Consulte o nosso artigo Como impermeabilizar o calçado?

 

Tem outras questões sobre o calçado para criança ? Não hesite em colocá-las enviando o seu comentário sobre este artigo.

Entretanto, descubra todos os tipos de calçado de criança Newfeel aqui.

banner_pt_actireo

 

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Vote
Calçado

Do nascimento à idade adulta, o caminho é longo até que o pé da criança se desenvolva completamente. A estrutura e as necessidades dos seus pés evoluem à medida que vão crescendo, logo que a criança começa a caminhar. Para garantir o melhor desenvolvimento do pé da criança, dos 0 aos 15 anos, contamos-lhe tudo!

(1)
Benefícios da marcha

«Quando chegamos?»: uma pergunta que todos fizemos e que todos os pais ouvem de vez em quando. Com estas 7 dicas, faça que a marcha seja mais do que uma simples forma de deslocação: uma forma divertida de cuidar da saúde do seu filho!

(1)
VOLTAR PARA O TOPO